Inicial / TODAS AS NOTÍCIAS / Projeto RAABE traz mensagem de paz em defesa das mulheres viamonenses

Projeto RAABE traz mensagem de paz em defesa das mulheres viamonenses

“A iniciativa do Projeto Raabe só nos deixa mais confiantes de que a realidade brasileira pode ser transformada. A violência doméstica se combate com muita informação e esclarecimento dos direitos de cada cidadão, e especialmente dos direitos das mulheres”, destacou Armando.

CAMARA_projeto-Raabe

Com o objetivo de conscientizar e denunciar a violência contra a mulher a Tribuna Popular, da Câmara Municipal de Viamão, foi ocupada pelo Projeto Raabe, iniciativa do grupo de ativistas da Igreja Universal do Reino de Deus, que atua em todo o Brasil. O projeto visa levar, através de um quadro profissional especializado, auxilio psicológico e jurídico, assistência social e espiritual, devolvendo autoestima às mulheres vitimas de violência doméstica e também ao seu circulo familiar.

“A violência doméstica não é apenas a violência entre marido e mulher, companheiro e companheira. Ela atinge também os filhos, pais, parentes e vizinhos, mas tem em comum, na maioria das vezes, a mulher como principal vítima, por isso nossa meta é resgatar a mulher dessa condição de submissão e violência, para desta forma, salvar toda a família”, definiu Carmem Pereira, coordenadora do projeto no Rio Grande do Sul.

Implantado em janeiro deste ano no Estado, o Projeto Raabe firmou parcerias com as Delegacias da Mulher e com o Centro de Referencia e Atendimento à Mulher, de Porto Alegre, apoiando o tratamento de mulheres em situação de risco. Nos demais municípios do Estado o Raabe mantém um núcleo capaz de orientar e acolher vítimas de violência doméstica com pessoal técnico especializado, como advogados, psicólogos, assistentes sociais e terapeutas.

CAMARA_Raabe_Carmem Pereira“Queremos e temos condições de oferecer esta estrutura às mulheres de Viamão e queremos contar com os vereadores para potencializar a divulgação do nosso trabalho. Informem as suas comunidades, denunciem casos de violência contra a mulher. Ajudem as mulheres a romper o silêncio e cessar a violência doméstica”, ressaltou a coordenadora.

Carmem também convidou a todos para participarem de um ato que marcará o Dia Internacional de Combate à Violência contra a Mulher, que acontecerá no próximo sábado (23), às 14 horas, na Avenida Oscar Pereira, em Porto Alegre. “Teremos um amplo debate sobre o tema, com a presença de autoridades e especialistas e convidamos a todos os viamonenses a participar deste encontro, pelo bem das famílias e contra a violência. Basta! É o nosso lema, contra a violência doméstica”, concluiu.

Rede de proteção

Agradecendo a presença do Projeto Raabe e de sua coordenadora, Carmem Pereira, o presidente do Legislativo Municipal, vereador Luís Armando Azambuja (PT), afirmou que iniciativas como esta devem ser comemoradas e lembrou que novembro é um mês que vai entrar para a história de Viamão porque consolida, definitivamente, uma rede de proteção à mulher e suas famílias.

CAMARA_Raabe_armando“A partir deste mês funciona em Viamão uma delegacia especializada para mulheres, uma reivindicação da sociedade e de entidades como a OAB e o Conselho Municipal da Mulher. Temos também iniciativas estaduais e federais, que buscam o resgate da condição vulnerável que muitas mulheres e suas famílias vivem.  A iniciativa do Projeto Raabe só nos deixa mais confiantes de que a realidade brasileira pode ser transformada. A violência doméstica se combate com muita informação e esclarecimento dos direitos de cada cidadão, e especialmente dos direitos das mulheres”, destacou Armando.

Dia Internacional de Combate à Violência contra a Mulher

Em 25 de novembro de 1960, Patria, Minerva e Antonia Mirabal, três irmãs que moravam na República Dominicana e formavam um grupo de oposição ao governo foram assassinadas. Vinte e um anos depois, o 1º Encontro Feminista Latino Americano Caribenho, em Bogotá, definiu a data como o Dia Internacional de Luta pelo Fim da Violência Contra a Mulher.

Apesar de ser um dos últimos países da América do Sul a ter uma legislação específica para prevenir e combater a violência doméstica e familiar, o Brasil possui uma das três melhores leis do mundo no enfrentamento à violência contra a mulher, conforme avaliou a Organização das Nações Unidas (ONU), em 2008.

A Lei 11.340/06 ou Lei Maria da Penha é o resultado de um projeto formulado por um grupo interministerial e virou projeto de lei, aprovado e sancionado em agosto de 2006, durante o governo do ex-presidente Lula. A Lei Maria da Penha ampliou os mecanismos de proteção das vítimas e permitiu a prisão em flagrante do agressor.

De acordo com dados do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), até agora já foram sentenciados mais de 140 mil processos e realizadas mais de 10 mil prisões em flagrantes em todo o país.

 

Sobre o Vereador Vereador Armando

O vereador Armando, como é popularmente conhecido, tem 49 anos, é jornalista/radialista, técnico em contabilidade, Bacharel em Direito, e, pós- graduado em Gestão Hospitalar. Armando esta no quinto mandato de vereador. Armando é considerado um dos vereadores mais atuantes e experientes do Legislativo. É o campeão de projetos e de leis aprovadas e sancionadas. WhatsApp Lista de Transmissão de Notícias: 51 9990-45123 Celular 51 993321888 Gabinete: 51 34854957

Além disso, verifique

Tem primeira dose para pessoas com 12 anos ou mais, e segunda dose antecipada da Pfizer/Biontech!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *