Inicial / BENEFICIOS PARA VOCÊ / Projeto do Armando isenta beneficiários do Bolsa Família de taxa de inscrição em concurso público

Projeto do Armando isenta beneficiários do Bolsa Família de taxa de inscrição em concurso público

Para o vereador Armando, a falta do poder aquisitivo de pagar a taxa da inscrição não deve ser empecilho, nem mesmo servir de barreira, para um candidato ou candidata não poder participar de um concurso público.

armando1Isentar a população mais carente do pagamento da taxa de inscrição de concursos públicos para ajudar a promover a ascensão social, com oferecimento de condições para que os mais pobres também possam competir pelos empregos públicos, que são muito disputados hoje, tanto pelos salários quanto pela estabilidade, e com o propósito de atenuar desigualdade social, é que esta tramitando na Câmara de Viamão, um projeto de lei nº 169/2014, de autoria do vereador Luís Armando Azambuja (PT), que propõe isentar do pagamento de taxa de inscrição em concurso público, o candidato e/ou a candidata de baixa renda e inscrito no Bolsa Família.

O projeto do vereador Armando abrange os concursos públicos e/ou processos seletivos, e também os simplificados para contratação de pessoal por tempo determinado para atender a necessidade temporária de excepcional interesse público para cargos ou empregos públicos no âmbito municipal, e considera pessoas com baixa renda aquelas que se enquadram na situação de pobreza no Programa Bolsa Família, inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal – CadÚnico, criado pelo Decreto Federal nº 6.135, que é um instrumento que identifica e caracteriza as famílias de baixa renda, aquelas que têm renda mensal de até meio salário mínimo por pessoa, ou renda mensal total de até três salários mínimos.

Para o vereador Armando, a falta do poder aquisitivo de pagar a taxa da inscrição não deve ser empecilho, nem mesmo servir de barreira, para um candidato ou candidata não poder participar de um concurso publico. “O projeto busca garantir a participação da população mais carente nos concursos para emprego público e nos processos seletivos, pois, não basta para os reais necessitados, apenas programas como o Bolsa Família, mas, a criação de mecanismos de inclusão que efetivamente proporcionem a geração de oportunidades de inserção no mercado de trabalho, buscando incentivar políticas públicas a favor da superação da pobreza e da redução das desigualdades sociais”, enfatizou o vereador Armando Azambuja.

Sobre o Vereador Vereador Armando

O vereador Armando, como é popularmente conhecido, tem 49 anos, é jornalista/radialista, técnico em contabilidade, Bacharel em Direito, e, pós- graduado em Gestão Hospitalar. Armando esta no quinto mandato de vereador. Armando é considerado um dos vereadores mais atuantes e experientes do Legislativo. É o campeão de projetos e de leis aprovadas e sancionadas. WhatsApp Lista de Transmissão de Notícias: 51 9990-45123 Celular 51 993321888 Gabinete: 51 34854957

Além disso, verifique

Tem primeira dose da vacina para crianças!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *