Inicial / #VereadorArmando / Armando pede o veto e cancelamento do aumento dos salários do prefeito e vice-prefeito

Armando pede o veto e cancelamento do aumento dos salários do prefeito e vice-prefeito

Vereador Armando pede o veto do projeto de aumento do salários do prefeito e vice-prefeito de Viamão

Vereador Armando pede para o prefeito André Pacheco voltar atrás, e vetar o projeto de aumento do próprio salário e de seu vice.

Na tribuna da Câmara na tarde de hoje (18/5), o integrante da Comissão de Constituição, Redação e Justiça do Legislativo, vereador Luís Armando Azambuja (PT), solicitou em nome da bancada da oposição, e dos demais integrantes das bancadas do PT, PDT, PSOL, PSDB, PP e PTB, que formam oito vereadores que votaram contra o projeto, que o prefeito André Pacheco (PSDB), realize o veto com o cancelamento do dispositivo que aumenta o salário do prefeito e do vice-prefeito, em quase 25%.

De acordo com o vereador Armando Azambuja, o projeto foi aprovado a toque de caixa, e de forma antirregimental pela Câmara, sem pareceres jurídico e da Comissão de Constituição e Justiça, além de representar uma forma intempestiva de matéria dessa natureza.

Para o vereador Armando, que foi contra o projeto na Câmara, na votação na última terça-feira (16/5), a melhor ação do prefeito neste momento é atender a apelo popular, e vetar o seu próprio projeto, evitando que se torne lei.

Sobre o Vereador Vereador Armando

O vereador Armando, como é popularmente conhecido, tem 45 anos, é jornalista/radialista, técnico em contabilidade, Bacharel em Direito, e, pós- graduado em Gestão Hospitalar. Armando foi eleito para o quinto mandato de vereador. Armando é considerado um dos vereadores mais atuantes e experientes do Legislativo. É o campeão de projetos e de leis aprovadas e sancionadas.

Além disso, verifique

Recred/Viamão: IPTU e demais dívidas tem anistia de 100% das multas e juros em Viamão