Inicial / #VereadorArmando / Viamão terá presídio estadual próximo ao autódromo de Tarumã

Viamão terá presídio estadual próximo ao autódromo de Tarumã

Com aceitação do prefeito André Pacheco, governador Ivo Sartori anunciou a construção de presídio Estadual em Viamão, entre o Autódromo de Tarumã e a Vila Elza

Vereador Armando, criticou a medida do Governador Sartori e aceitação do prefeito André Pacheco, sem antes consultar a comunidade viamonense, e reivindica contrapartida Estado com a duplicação da 118 e do Caminho do Meio.

O governador José Ivo Sartori anunciou na manhã desta segunda-feira (12) a construção de dois novos presídios no Rio Grande do Sul.
As penitenciárias devem ser erguidas em Viamão e Alegrete, na Fronteira Oeste. Serão 716 novas vagas no total.

Sartori reafirmou que Charqueadas, também na Região Metropolitana, vai abrigar o presídio federal. A cadeia, que terá capacidade de 208 apenados, será construída em uma área de 25 hectares próxima à ERS-401. Serão investidos R$ 40 milhões.
Em Viamão, novo presídio atendeu aceitação do próprio prefeito André Pacheco (PSDB), que já havia se pronunciado junto a Secretaria da Segurança que aceitaria um presídio no município.

A penitenciária será erguida em uma área onde antes funcionava a empresa Fundação Estadual de Pesquisa Agropecuária (Fepagro), próximo ao autódromo de Tarumã, entre o Autódromo de Tarumã e a Vila Elza, na Estrada Capitão Gentil Machado de Godoy, 3825.

A área de  propriedade do Estado, é composta por 150 hectares, sendo que para a construção do presídio será necessário 20 hectares. A expectativa é de que a construção inicie ainda neste ano, e deverá abrigar 430 detentos.

Devem ser investidos R$ 24 milhões, proveniente de recursos federais, mas a administração da penitenciária ficará com o governo estadual.

Quanto ao presídio federal de segurança máxima, que Viamão também estava entre as opções, a escolha foi por Charqueadas. Neste, serão 208 vagas. 

O presidente da Comissão dos Direitos Humanos da Câmara, vereador Luís Armando Azambuja (PT), criticou a medida do Governador Sartori e aceitação do prefeito, sem antes consultar a comunidade viamonense. “Ninguém é contra construção de presídio, compreendemos a importância, mas é inadmissível substituir um local, e fechar uma instituição, onde faz pesquisa do potencial de Viamão, que é agricultura e pecuária, para construção de presídio”, esbravejou Armando.

O vereador Armando reivindica contrapartida do governo do Estado para construir um pedido em Viamão “Precisamos debater antes da construção do presídio, a mobilidade urbana da região, como a duplicação da 118, do Caminho do Meio e a segurança pública”, enfatizou Armando.

Sobre o Vereador Vereador Armando

O vereador Armando, como é popularmente conhecido, tem 45 anos, é jornalista/radialista, técnico em contabilidade, Bacharel em Direito, e, pós- graduado em Gestão Hospitalar. Armando foi eleito para o quinto mandato de vereador. Armando é considerado um dos vereadores mais atuantes e experientes do Legislativo. É o campeão de projetos e de leis aprovadas e sancionadas.

Além disso, verifique

Prefeitura de Viamão vai chamar mais quinze concursados