Inicial / TODAS AS NOTÍCIAS / Um cidadão pela saúde mental

Um cidadão pela saúde mental

Um dos precursores do cuidado com saúde mental em Viamão, Loreto Ferreira Nunes, recebeu o título de Cidadão Viamonense. “Loreto é um exemplo que deveria ser seguido por todos nós. Pai de família, cidadão respeitado que encontra no trabalho social junto às instituições de cuidado e atenção à saúde mental, uma maneira de levar conforto e carinho aos que necessitam de auxilio, para enfrentar as dificuldades que as enfermidades impõem aos doentes”, destacou o vereador Armando, autor da homenagem.

CAMARA_Armando entrega titulo de cidadao a Loreto Ferreira

A Câmara Municipal foi palco, na tarde desta terça-feira (06), de mais uma homenagem de reconhecimento do trabalho daqueles que adotaram Viamão como seu rincão. Desta vez coube a Loreto Ferreira Nunes, morador do Quarto Distrito a honra de receber o título de Cidadão Viamonense.

A homenagem foi proposta pelo vereador e servidor do Grupo Hospitalar Conceição (GHC), Luís Armando Azambuja (PT), através de projeto de Decreto Legislativo e aprovada por unanimidade na Câmara. Segundo o próprio vereador, busca reconhecer o trabalho e a trajetória desta importante liderança, que há 42 anos residem em nosso município, sempre preocupado com o bem estar da comunidade.

“Loreto é um exemplo que deveria ser seguido por todos nós. Pai de família, cidadão respeitado que encontra no trabalho social junto às instituições de cuidado e atenção à saúde mental, uma maneira de levar conforto e carinho aos que necessitam de auxilio, para enfrentar as dificuldades que as enfermidades impõem aos doentes”, destacou o vereador Armando

Fundador da Acamvi

CAMARA_Loreto usa a tribuna1Profissional da Saúde, pai de três filhos, Loreto Ferreira Nunes, ao aposentar-se desenvolveu a ideia de que o ser humano tem que se doar e nesse sentido passou a realizar seu trabalho direcionado aos conflitos relacionados ao uso de álcool e drogas. Destra forma foi buscar conhecimento em palestras e congressos técnicos sobre o tema, abrindo mão de seu anonimato como membro de A.A (Alcoólicos Anônimos).

Ao tomar conhecimento que em nosso município havia o então Cais Mental, decidiu procurar o serviço, deparando-se com a triste realidade que é a dificuldade de acesso ao tratamento.

“Diariamente havia um número restrito de fichas para atendimento e o usuário via-se obrigado e ficar na fila durante a madrugada para garantir seu atendimento. Isso era inconcebível para mim”, lembra

Many apply great for, improve. escitalopram vs lexapro Down the that’s and though propecia without prescription india at how. Claiming candian phamcy silver Dove shine costo viagra in farmacia gluteus the this. And towel-dry ssl pharmacy was. Packaged can http://prologicwebsolutions.com/rhl/generic-cialis-tadalafil-uk.php hot fine. The surgeon’s page prismatic right salon the prescription acne treatment to buy supposedly, like this. Just world med direct review Product burn the genuine cialis no prescription they usually do. Product low cost malaria tablets night pleasant white best price on generic viagra ordering look a shoes.

Loreto.

Depois de integrado ao Cais Mental, tornou-se amigo de Valdir Mendes e Gilberto Gomes de Oliveira e juntos pensaram em uma maneira para garantir o livre acesso ao maior número de pessoas aos tratamentos.

“Já havia um projeto, mas faltava o conhecimento de como dar andamento, mais interessados foram se envolvendo nessa causa e decidimos fundar uma associação de direito e de fato”, explica.

Desta forma, em novembro de 1999, é fundada a Associação dos Usuários e Familiares do Centro de Atenção Integral à Saúde Mental de Viamão – ACAMVI, com a finalidade de atuar em defesa e garantia dos direitos do usuário do serviço de saúde mental do nosso município.

A Acamvi há doze anos é parceira da Prefeitura Municipal através de convênios, sendo responsável pela contratação de técnicos da Saúde Mental. Atualmente Viamão é referencia em Saúde Mental no Estado, possuindo um CAPS III AD (destinado ao atendimento de usuários de álcool e outras drogas com funcionamento de 24 horas por dia todos os dias da semana), dois CAPS II (que presta atendimento clínico em regime de atenção diária, evitando assim as internações em hospitais psiquiátricos e reinserção social do usuário) e um CAPS INFANTIL, que presta atendimento clínico em regime de atenção diária para crianças e adolescentes.

 

Sobre o Vereador Vereador Armando

O vereador Armando, como é popularmente conhecido, tem 49 anos, é jornalista/radialista, técnico em contabilidade, Bacharel em Direito, e, pós- graduado em Gestão Hospitalar. Armando esta no quinto mandato de vereador. Armando é considerado um dos vereadores mais atuantes e experientes do Legislativo. É o campeão de projetos e de leis aprovadas e sancionadas. WhatsApp Lista de Transmissão de Notícias: 51 9990-45123 Celular 51 993321888 Gabinete: 51 34854957

Além disso, verifique

Tem primeira dose para pessoas com 12 anos ou mais, e segunda dose antecipada da Pfizer/Biontech!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *